Por meios de medições dos parâmetros acústicos Tempo de Reverberação, Ruído de Fundo, Nível de Pressão Sonora no ambiente emissor e receptor, são verificados os desempenhos de sistemas construtivos de uma edificação para verificar o atendimento aos critérios estabelecidos na norma ABNT NBR 15575-2013.

Desempenho acústico de Partições Verticais – paredes e fachadas: São realizadas medições do Nível de Pressão Sonora aérea e do Ruído de Fundo nos dois ambientes separados pela partição, e medições de Tempo de Reverberação e da absorção sonora equivalente no interior do ambiente receptor. Com esses dados é avaliada a perda de transmissão sonora aérea e determinado o índice de isolamento sonoro aéreo da parede que dará a classificação do desempenho acústico conforme a norma ABNT NBR 15575-4:2013.



Desempenho acústico de Pisos – São realizadas medições de Nível de Pressão Sonora aérea e do Ruído de Fundo nos dois ambientes separados pelo piso; medições de Tempo de Reverberação e da absorção sonora equivalente no interior do ambiente receptor; e medições do Nível de Pressão Sonora de impacto no ambiente receptor. Assim é possível determinar o isolamento sonoro do piso e quantificado o índice de isolamento sonoro aéreo e de impacto que dará a classificação dos desempenhos sonoros aéreo e de impacto do piso, conforme a norma brasileira ABNT NBR 15575-3:2013.

 

Todas medições são realizadas com fontes sonoras e de impacto padronizadas e medidores de nível de pressão sonora, com filtros de frequências de 1/3 de oitava, calibrados por laboratório acreditados pelo INMETRO.


Todas as medições seguem as recomendações indicadas nas normas ABNT NBR 15575.

 

Entre em contato e solicite um orçamento.

 

As tabelas abaixo apresentam os níveis de desempenho acústico mínimos para partições verticais e sistemas de pisos:

Níveis de desempenho acústico mínimos para sistema de fachadas.

Classe de ruído

Elemento

D2m,nT,w [dB]

I

Habitação localizada distante de fontes de ruído intenso de quaisquer naturezas.

≥ 20

II

Habitação localizada em áreas sujeitas a situações de ruído não enquadráveis nas classes I e III.

≥ 25

III

Habitação sujeita a ruído intenso de meios de transporte e de outras naturezas, desde que esteja de acordo com a legislação.

≥ 30

 

Os níveis de desempenho acústico para partições verticais internas.

Elemento

DnT,w [dB]

Parede entre unidades habitacionais autônomas (parede de geminação), nas situações onde não haja ambiente dormitório.

≥ 40

Parede entre unidades habitacionais autônomas (parede de geminação), no caso de pelo menos um dos ambientes ser dormitório.

≥ 45

Parede cega de dormitórios entre uma unidade habitacional e áreas comuns de trânsito eventual, tais como corredores e escadaria nos pavimentos.

≥ 40

Parede cega de salas e cozinhas entre uma unidade habitacional e áreas comuns de trânsito eventual, tais como corredores e escadaria dos pavimentos.

≥ 30

Parede cega entre uma unidade habitacional e áreas comuns de permanência de pessoas, atividades de lazer e atividades esportivas, tais como home theater, salas de ginástica, salão de festas, salão de jogos, banheiros e vestiários coletivos, cozinhas e lavanderias coletivas.

≥ 45

Conjunto de paredes e portas de unidades distintas separadas pelo hall (DnT,w obtida entre as unidades).

≥ 40

 

Níveis de desempenho acústico quanto ao ruído de impacto em sistemas de pisos.

Elemento

L'nT,w [dB]

Sistema de piso separando unidades habitacionais autônomas posicionadas em pavimentos distintos

≤ 80

Sistema de piso de áreas de uso coletivo (atividades de lazer e esportivas, tais como home theater, salas de ginástica, salão de festas, salão de jogos, banheiros e
vestiários coletivos, cozinhas e lavanderias coletivas) sobre unidades habitacionais autônomas

≤ 55

 

Níveis de desempenho acústico quanto ao ruído aéreo em sistemas de pisos.

Elemento

DnT,w [dB]

Sistema de piso separando unidades habitacionais autônomas de áreas em que um dos recintos seja dormitório

≥ 45

Sistema de piso separando unidades habitacionais autônomas de áreas comuns de trânsito eventual, tais como corredores e escadaria nos pavimentos, bem como
em pavimentos distintos

≥ 40

Sistema de piso separando unidades habitacionais autônomas de áreas comuns de uso coletivo, para atividades de lazer e esportivas, tais como home theater,
salas de ginástica, salão de festas, salão de jogos, banheiros e vestiários coletivos, cozinhas e lavanderias coletivas

≥ 45

Copyright 2010 - Todos os direitos reservados!